Júlia Pinheiro e Blanco

Um caso sério de amor.

Eu e o Blanco somos um caso sério de amor. O Blanco chegou aqui a a casa, magro, desnutrido, sem vacinas e, sobretudo, sem amor. Agora é o dono da casa, o chefe da equipa de segurança. Uma ternura. Nunca se deve desistir da generosidade. O Blanco já nos devolveu tudo o que lhe demos.
Obrigada Blanco.