Maria Duarte Bello

Podem partilhar algumas dicas para ‘reuniões mais eficientes’?

O nosso quadro de especialistas tem bons conselhos para as suas questões de saúde, alimentação, jurídicas, finanças pessoais, maquilhagem, psicologia, antienvelhecimento, entre outras áreas, que contribuem, no dia a dia, para o seu bem-estar.

Envie-nos as suas perguntas para [email protected]

As minhas reuniões profissionais são sempre um caos. Assuntos que demoram cinco minutos dão lugar a horas de discussão e, por vezes, saímos sem conclusão. Podem partilhar algumas dicas para ‘reuniões mais eficientes’?

  1. Utilizar uma ordem de trabalhos. Embora possa transmitir uma ideia de rigidez, esta não é totalmente verdadeira. Demonstra organização e diz aos outros os pontos exatos que serão tratados.
  2. Evitar divagações. É para isso que serve a ordem de trabalhos. Não para travar as ideias ou a naturalidade, mas para que esta seja efetiva.
  3. Saber escolher o ponto de agenda. Os pontos não devem estar dispostos de forma espontânea. Deve iniciar-se por aquele que pode originar mais confusão.
  4. Expor as ideias de forma clara e com ordem. Um esquema, mesmo que num papel, revela-se mais útil do que um texto.
  5. Os lugares que se ocupam na mesa de reuniões podem determinar a importância. Pode existir uma pré-marcação dos lugares, e aí pouco há a fazer. De outro modo, pode escolher-se aquele que considerar mais adequado em função de quem está presente.
  6. A participação ajuda à interação entre os participantes. Por vezes, estes não se conhecem e é necessário ter em conta as apresentações
  7. A opinião interessa. Há que ter consciência de que nem todos têm o mesmo nível de interesse em relação a todos os pontos da agenda.
  8. Ficar calado ou intervir por qualquer coisa. É preferível fazer um comentário pertinente a uma observação qualquer só porque fica bem ou se quer dar nas vistas.

Maria Duarte Bello
Especialista em Executive, Team e Life Coaching
Autora do livro A tua marca pessoal

Comentários

comentários